Detalhe 16.03.2018

Volkswagen CaminhÔes estreia em novo mercado na Argentina com crescimento recorde em exportaçÔes

A MAN Latin America, fabricante das marcas Volkswagen Caminhões e Ônibus e MAN, passa agora a disputar o mercado de leves na Argentina com a mais moderna linha de caminhões do segmento no continente. A montadora vai aportar em sua oferta no país dois novos modelos da família Delivery: o VW 9.170 e o VW 11.180.

“Esses lançamentos vão ajudar a sustentar nosso crescimento em níveis recordes na Argentina. Fechamos nesses primeiros dois meses o melhor bimestre da história dos negócios da Volkswagen Caminhões e Ônibus no país vizinho, com 638 unidades embarcadas para este que é nosso maior mercado internacional e onde completamos 20 anos de operações em 2018”, aponta Roberto Cortes, presidente e CEO da MAN Latin America.

Não é só na Argentina que a fabricante tem ampliado seus negócios. A montadora mais que dobrou seus embarques internacionais no acumulado de janeiro e fevereiro de 2018 versus 2017, alcançando o melhor bimestre de sua história, com 1.893 unidades.

“Nunca tínhamos registrado um fevereiro tão positivo. E o resultado deriva, sobretudo, de uma maior diversificação dos países para os quais exportamos, diminuindo concentrações em determinados mercados”, explica Cortes.

Novos caminhões chegam para fazer história

Frutos de um investimento de mais de R$ 1 bilhão na criação da nova família, os modelos Delivery 9.170 e 11.180 vão reforçar a posição da montadora em um segmento representativo da indústria de transporte de cargas argentina: o mercado de caminhões leves responde por mais de 30% das vendas totais.

Em especial, o veículo de 11 toneladas ainda vai abrir para atuação da empresa um nicho antes não explorado e com grande potencial. Para respaldar essas expectativas e acelerar os resultados, a MAN Latin America se apoia em sua crescente conquista da preferência dos frotistas argentinos.

Assim como no Brasil, a fabricante fechou 2017 e o primeiro bimestre de 2018 com o caminhão mais vendido. No país vizinho, o representante foi o Constellation 17.280, o que lhe rendeu inclusive o posto de Caminhão do Ano, segundo revista especializada daquele país no setor.

Em franca expansão, a rede de concessionárias na Argentina conta com 11 estabelecimentos, dos quais dois foram inaugurados no ano passado e a meta é continuar a fortalecer essa assistência em vendas e pós-vendas aos transportadores e autônomos de todo o país vizinho.

Robustez e singularidade mundiais

Foram quatro milhões de quilômetros de testes, com mais de 600 engenheiros envolvidos em seu desenvolvimento. A nova família Delivery chega para ter o melhor custo total de operação (TCO) do segmento. Os caminhões foram “construídos em cima da balança”, procurando otimizar ao máximo sua carga útil, além de proporcionar maior economia de combustível e menor desgaste de componentes.

O novo Delivery também é sinônimo de salto tecnológico em seu processo de fabricação. Trinta e oito novos robôs conferem nível de automação de 60% na armação da cabine, responsáveis por 2.500 pontos de solda, além de 170 itens para medição. Mais de 120 equipamentos novos, incluindo alguns de grande porte, para a montagem na linha final.

Conheça mais sobre os modelos

Delivery 9.170


Cada componente do novo Delivery 9.170 foi desenvolvido com os mais inovadores materiais e o resultado é um modelo altamente sustentável, com redução de peso no sistema powertrain da ordem de 10% na comparação com seu antecessor e, consequentemente, mais economia de combustível, menos emissões e maior capacidade de carga. Seu motor é o Cummins ISF de 3,8 litros e tecnologia SCR, com robustez ideal para cada aplicação, torque máximo de 600 Nm e 165 cv de potência. A transmissão manual é a ESO-6106, com seis velocidades, e o modelo contará ainda com transmissão automatizada.

Delivery 11.180

Indicado para entregas urbanas com agilidade, rapidez nos serviços rodoviários de curtas e médias distâncias, o novo Delivery 11.180 combina confiabilidade, robustez e o melhor desempenho da categoria. É equipado com motor Cummins ISF, de 3,8 litros e tecnologia SCR, com torque máximo a 600 Nm e 175 cv de potência e transmissão manual ESO-6106. O modelo contará ainda com transmissão automatizada.

 


Fotos relacionadas