Detalhe 10.03.2014

LAAD 2014: MAN Latin America apresenta soluçÔes em transporte e segurança

•   Chassi VW de cinco toneladas produzido em parceria com a Protege é uma das novidades

•    Empresa comemora a marca de 1.000 chassis para carros-fortes vendidos

•    Caminhão VW que será usado na segurança da Copa está entre os destaques da feira

A MAN Latin America, fabricante dos caminhões e ônibus Volkswagen e dos caminhões MAN, marca mais uma vez presença na LAAD Security – Feira Internacional de Segurança Pública e Corporativa, que acontece nos dias 8 e 9 de abril no RioCentro, na capital fluminense.

A empresa chega com grandes novidades para o setor de segurança. Entre elas, destaque para o chassi 5.150 ECE para transporte de valores. Exclusivo para o segmento, o veículo, criado em parceria com o Grupo Protege, tem expectativa de alavancar em 20% as vendas de chassis para carros-fortes da montadora.

A MAN, aliás, foi a primeira a oferecer chassis específicos para transporte de valores no Brasil e comemora na LAAD sua liderança nas vendas nacionais deste mercado pelo quarto ano consecutivo com 80% de participação. Os números são baseados nos encarroçamentos realizados pelas maiores empresas especializadas do território brasileiro. No total, a empresa já ultrapassou a marca de 1.000 chassis de carros-fortes comercializados, não só no Brasil, como também no exterior.

No estande da MAN, os visitantes têm ainda a oportunidade de conhecer um dos Constellation 15.190 equipados com uma Plataforma de Observação Elevada (POE) e que irão intensificar a segurança da Polícia Militar do Rio de Janeiro durante os jogos da Copa do Mundo. Além dos veículos expostos, a empresa conta com outras soluções em transporte e segurança, como os caminhões com tração 6x6 do Exército e veículos 8x2 desenvolvidos para o trans-porte de moedas.

Lançamento: carro-forte de cinco toneladas

O chassi 5.150 ECE, único do segmento, estreia em parceria com o Grupo Protege e tem expectativa de alavancar em 20% as vendas de chassis de carros fortes da montadora. Com o veículo, a monta-dora inaugura um novo conceito no segmento de transporte de valores no Brasil, que impacta menos no trânsito e torna o serviço mais ágil, abrindo possibilidades também como escolta de caminhões com cargas valiosas. A Protege, que conta com a maior frota VW de carros-fortes — mais de 700 veículos — receberá as primeiras 86 unidades, com encarroçamento da empresa MIB Blindados.

“Hoje, o mercado está se transformando e com o crescimento dos centros urbanos, as empresas buscam mais agilidade com baixo custo operacional. Possibilita, ainda, o acesso a garagens e estacionamentos internos, tornando a operação mais segura. Sem dúvida este será mais um grande sucesso de vendas, que contribuirá para chegarmos a um novo marco em nossa história”, afirma Ricardo Alouche, vice-presidente de Vendas, Marketing e Pós-Vendas da MAN Latin America.

O chassi de carro forte é menor e mais leve que os utilizados atualmente, porém tem a mesma capacidade de carga, armazenagem de volumes e garantia de segurança ao produto transportado. Além disso, seu porte reduzido influencia no consumo de combustível e, por consequência, na emissão de monóxido de carbono.

Mais de mil chassis vendidos

Com apenas cinco anos de atuação no mercado de transporte de valores, a MAN Latin America já responde por mais de mil chassis de carros-fortes vendidos no Brasil. Só entre veículos Euro 5, já são cerca de 500 unidades rodando em território nacional. Quem vai receber o milésimo veículo, já marcado para os próximos dias, será a empresa Saga Vigilância, de Belém do Pará. São quatro unidades do chassi VW 8.160 ECE, que se juntam a outros seis Volkswagen de sua frota.

“Apostamos na MAN e em sua rede de pós-vendas para atender a nossos pedidos e estamos satisfeitos. É uma honra receber o milésimo carro forte. Este marco mostra a confiança que os clientes depositam na chancela VW”, destaca Sérgio Araújo, diretor da Saga Vigilância. Os veículos atuarão na região metropolitana e nordeste do estado e percorrerão, em média, 100 quilômetros por dia.

Os carros-fortes são utilizados normalmente em operações de transporte do meio circulante, abastecimento de caixas eletrônicos, suprimentos e coletas provenientes da rede bancária, supermercados, casas lotéricas, lojas de departamento, postos de gasolina, entre outros.

Robustez e agilidade

Além do chassi de cinco toneladas, a MAN Latin America estreia em mais um segmento do transporte de valores. A fabricante acaba de vender também para a Protege três Constellation 24.280 8x2. Os caminhões vão atuar a serviço do Banco Central e, entre seus diferenciais, podem transportar até uma tonelada a mais que os principais concorrentes.

A configuração do modelo permite o transporte de cargas de valores maiores, atendendo a uma demanda que tem crescido no mercado brasileiro. Devido à cabine avançada, o modelo em questão é um metro menor em comprimento com relação ao seu concorrente, ganhando mais agilidade em sua circulação para garantir ainda mais segurança.

Os três veículos cumprirão rotas da matriz do Banco Central para centros de distribuição, rodando entre Rio e Belo Horizonte e Rio e Brasília. Sua capacidade de carga de uma tonelada adicional, com-parando com o concorrente, servirá para o transporte de mais moedas. Os VW 24.280 8x2 serão implementados na MIB Blindados, que fará as modificações nos caminhões com o acompanhamento da Engenharia da MAN.

Segurança na Copa do Mundo

Vinte e duas unidades do VW Constellation 15.190 vão intensificar a segurança e auxiliar as polícias locais nas 12 cidades-sedes da Copa do Mundo de 2014. O modelo é equipado com o motor MAN D08 de 190 cv e tecnologia EGR (recirculação dos gases de exaustão), que elimina a necessidade e o custo de um aditivo especial, o Arla 32. É ideal para serviços que exigem agilidade e rapidez em percursos rodoviários de curtas e médias distâncias.

Sobre cada chassi Volkswagen, a Truckvan, uma das maiores em-presas de baús e carretas customizadas do Brasil, montou uma Plataforma de Observação Elevada (POE), que consiste em um sistema de monitoramento de imagens, composto por 14 câmeras, e cobertura de até três quilômetros de distância. O sistema de observação está instalado em um mastro telescópico de 15 metros de altura que recolhido é coberto por uma escotilha automática. Uma sala de operação com monitores permite o comando de todos os recursos da unidade, como acendimento de luzes, subida do mastro, acionamento do ar-condicionado, sirene, entre outros.

Além da captação, o veículo conta com rede wi-fi do tipo mesh (via rádio), que garantem aos policiais a visualização das imagens por tablet ou celular em um raio de até 500 metros de distância. Com os dispositivos móveis também é possível enviar os dados em tempo real para os Centros Integrados de Controle e Comando Regional (CICCR) através de antenas do tipo Ponto-a-ponto.

Os veículos já estão sendo usados em simulações de testes de segurança para a Copa e outros grandes eventos.

Caminhão 6x6 reforça ajuda do Exército

No que depender dos veículos Volkswagen, os torcedores que comparecerão aos jogos da Copa terão segurança de peso ao redor dos estádios. Além das unidades móveis já citadas, sete caminhões Constellation 31.320, primeiro com tração 6x6 desenvolvido no Brasil, estão convocados para fazer toda movimentação das tropas do Exército, assegurando tranquilidade a todos os presentes.

O chassi foi desenvolvido pela Engenharia da MAN Latin America em conjunto com o centro de modificações BMB — parceiro da em-presa e também instalado na cidade de Resende (RJ), onde está a montadora —, atendendo a todas as rígidas especificações das Forças Armadas.

O modelo tem capacidade para até dez toneladas de carga útil em qualquer terreno (10QT), além da possibilidade de transportar grandes equipamentos de artilharia (obuseiro). É capaz de transpor cursos d’agua de até um metro de profundidade, vencer rampas com 60% de inclinação e obstáculos com 30% de inclinação lateral. Destaque também para os testes realizados no Exército Brasileiro quando subiu com tranquilidade um degrau com mais de 30 centímetros de altura.


Fotos relacionadas